Atividades Pedagógicas

Como o funcionamento de escolas e instituições educacionais foram paralisados em todo país por decreto, as crianças, adolescentes e jovens assistidos pelo CEDEP também não puderam continuar participando das atividades presenciais. Desta forma, a equipe de coordenação pedagógica juntamente com sua equipe de educadores desenvolveu um plano com estratégias de trabalho remoto.

Além de ser uma atividade importante para o desenvolvimento das crianças e adolescentes, as atividades remotas mantém o vínculo entre as crianças e adolescentes  jovens e os educadores, incentivando para que os alunos tenham interesse em continuar com as atividades presenciais. Os grupos no Whatsapp permitem que os educadores consigam acompanhar, na medida do possível, o cotidiano dos educandos.

Virtualmente, o contato entre os educandos e  educadores se fez  via WhatsApp, que é a ferramenta digital mais difundida entre os alunos, e agrupam os contatos dos próprios alunos ou parentes próximos. Os educadores responsáveis pela realização das oficinas produzem suas atividades através de vídeos, textos e áudio, e repassam para o regente de cada grupo. Além das atividades, os educadores têm realizado vídeoaulas para atender os grupos,possibilitando o contato direto com as crianças para o fortalecimento de vínculos.

Todos os educadores desenvolveram soluções para suas oficinas. Inicialmente esse trabalho foi feito através do envio de atividades. O educador produziu pequenos vídeos, com uma proposta e os educandos respondiam produzindo um vídeo relacionado. Depois, as atividades foram se sistematizando e se adaptando de acordo com a recepção das crianças e jovens. O grupo de educadores do CEDEP também pensou em estratégias de lives para atrair os educandos para as atividades pedagógicas. São encontros virtuais que acontecem toda semana e estão abertos para aqueles que desejam participar.

Revista do Saber

A revista do saber é um material pedagógico mensal, planejado pelos educadores para agregar às atividades virtuais que estão sendo realizadas para os educandos.
A revista segue um tema mensal, com atividades relacionadas de cada uma das oficinas que os educandos participam no CEDEP. A edição de Janeiro, por exemplo, é um resgate histórico de brincadeiras infantis.

A proposta surgiu porque, com o passar dos meses, os educadores observaram que algumas atividades virtuais começaram a se tornar desinteressantes para as crianças e adolescentes.
Desta forma, foram elaboradas estratégias para atrair atenção dos educandos, focado no envio de materiais pedagógicos para casa. Todos os meses os educandos recebem uma Revista do Saber, com atividades.

Como o funcionamento de escolas e instituições educacionais foram paralisados em todo país por decreto, as crianças, adolescentes e jovens assistidos pelo CEDEP também não puderam continuar participando das atividades presenciais. Desta forma, a equipe de coordenação pedagógica juntamente com sua equipe de educadores desenvolveu um plano com estratégias de trabalho remoto.

Além de ser uma atividade importante para o desenvolvimento das crianças e adolescentes, as atividades remotas mantém o vínculo entre as crianças e adolescentes  jovens e os educadores, incentivando para que os alunos tenham interesse em continuar com as atividades presenciais. Os grupos no Whatsapp permitem que os educadores consigam acompanhar, na medida do possível, o cotidiano dos educandos.

Virtualmente, o contato entre os educandos e  educadores se fez  via WhatsApp, que é a ferramenta digital mais difundida entre os alunos, e agrupam os contatos dos próprios alunos ou parentes próximos. Os educadores responsáveis pela realização das oficinas produzem suas atividades através de vídeos, textos e áudio, e repassam para o regente de cada grupo. Além das atividades, os educadores têm realizado vídeoaulas para atender os grupos,possibilitando o contato direto com as crianças para o fortalecimento de vínculos.

Todos os educadores desenvolveram soluções para suas oficinas. Inicialmente esse trabalho foi feito através do envio de atividades. O educador produziu pequenos vídeos, com uma proposta e os educandos respondiam produzindo um vídeo relacionado. Depois, as atividades foram se sistematizando e se adaptando de acordo com a recepção das crianças e jovens. O grupo de educadores do CEDEP também pensou em estratégias de lives para atrair os educandos para as atividades pedagógicas. São encontros virtuais que acontecem toda semana e estão abertos para aqueles que desejam participar.

Revista do Saber

A revista do saber é um material pedagógico mensal, planejado pelos educadores para agregar às atividades virtuais que estão sendo realizadas para os educandos.
A revista segue um tema mensal, com atividades relacionadas de cada uma das oficinas que os educandos participam no CEDEP. A edição de Janeiro, por exemplo, é um resgate histórico de brincadeiras infantis.

A proposta surgiu porque, com o passar dos meses, os educadores observaram que algumas atividades virtuais começaram a se tornar desinteressantes para as crianças e adolescentes.
Desta forma, foram elaboradas estratégias para atrair atenção dos educandos, focado no envio de materiais pedagógicos para casa. Todos os meses os educandos recebem uma Revista do Saber, com atividades.

As atividades pedagógicas relacionadas ao coronavírus foram importantes para estreitar as relações entre oficineiros e educadores regentes, que pensam, juntos, estratégias para manter o laço entre os alunos. O fortalecimento de laços entre os alunos é muito importante em um período como este, onde existe um distanciamento físico entre as crianças e adolescentes e a instituição.

Uma ação também planejada pela equipe de educadores é a distribuição de livros educativos para as crianças da família, juntamente com a distribuição de cestas básicas para a comunidade.

Como o funcionamento de escolas e instituições educacionais foram paralisados em todo país por decreto, as crianças, adolescentes e jovens assistidos pelo CEDEP também não puderam continuar participando das atividades presenciais. Desta forma, a equipe de coordenação pedagógica juntamente com sua equipe de educadores desenvolveu um plano com estratégias de trabalho remoto.

Além de ser uma atividade importante para o desenvolvimento das crianças e adolescentes, as atividades remotas mantém o vínculo entre as crianças e adolescentes  jovens e os educadores, incentivando para que os alunos tenham interesse em continuar com as atividades presenciais. Os grupos no Whatsapp permitem que os educadores consigam acompanhar, na medida do possível, o cotidiano dos educandos.

Rua Frei Fabiano de Cristo, S/N
Monte Cristo
Florianópolis – SC


  (48) 3244.7497

  comunicacao@cedep-floripa.org.br

  www.facebook.com/cedep